sábado, 26 de março de 2022

Carrego o meu mundo sozinha

Estou exausta
Quero ver você aguentar calado
O peso da minha vida
Ou se colocar no meu lugar
Para depois querer opinar,
Você penetrou no meu eu
Me fez feliz
Me fez apaixonar
E do nada se foi
Viveu outra vida
Outro amor
Tínhamos a nossa vida
O nosso amor
E disso você totalmente se afastou
Destruiu o nosso amor,
Quando eu já estava superando
Você surgiu
Desolado
Pedindo o meu amor de volta
Dizendo ainda me amar
Bagunçando a minha vida
Para em pouco tempo de novo me abandonar
Me fazendo como a segunda opção,
Novamente voltou a me procurar
Dessa vez bati a porta do meu coração na sua cara
Não crie expectativas
Meu coração está congelado
O amor está proibido de nele entrar
Amor nunca mais irei te dar,
Quando te amei me entreguei por inteira
Não gosto de metades
Sou totalmente verdadeira
Ando com a Lealdade,
Você prometeu me amar para a eternidade
Mentiu
Me abandonou
Agora não adianta implorar
É tarde
Eu não consigo mais viver o amor
Consequências de todas as vezes que me abandonou...
Autora: Denize Azevedo 
© COPYRIGHT BY "SENTIMENTO EM POESIAS"
Todos os Direitos Reservados
conforme artigo (Lei 9610/98)
Cópias e publicações permitidas, 
desde que acompanhadas 
dos créditos ao autor